[APRENDA] Como Ter Uma Mente Empreendedora Mudando Hábitos

O que é hábito?

 “maneira usual de ser, fazer, sentir; costume, regra, modo.”

 

Esta não é a única definição de hábito, a muitas outras. Cada palavra de nosso extenso vocabulários possui inúmeras definições e claro, cada pessoa interpreta de uma jeito, de acordo com o contexto.

 

Calma. Não vai ser uma aula de português, porém, antes vamos falar sobre alguns conceitos para que assim possamos dar sequência em nossa conversa espiritual

 

Há uma palavra presente que se parece muito, não em termos físicos, mas em “gramatiques”, à palavra hábito; ROTINA.

 

Sim, o que define o nosso dia-a-dia, como agimos para cumprir o nosso propósito diário, o que nos cerca diariamente e, para alguns, motivação; para outros, desmotivação.

 

A ideia aqui não é entrar no mérito da palavra, mas no que ela significa na prática. Não sei se você já parou para pensar em como uma rotina se constitui. Se ainda não, pegue alguns minutos e tente entender porque você faz o que faz.

 

Bom, vou  deixar pra você a minha opinião e veremos se estamos no mesmo caminho.

Do Que Uma Rotina/Hábito Se Constitui?

Uma rotina se constitui a partir do momento que começamos repetir a mesma ação seguidamente, sem pausas, sem o botão select (para você que gosta de games assim como eu).

 

Bom, voltando. Dia após dia, vamos repetindo a mesma ação até que esta se torne inconsciente, quer dizer, estamos agindo no modo automático e, quando você menos percebe, aquela forma de pensar já se tornou sua, enraizada em sua personalidade.

Por isso, vamos a nossa primeira conclusão: Se hoje você não está satisfeito em como sua vida anda, nada como uma boa mudança de hábito para que você comece a enxergar o mundo de uma forma diferente.

Isso vale para todos os aspectos de sua vida, e vale muito para a questão profissional.

Como Trocar Um Hábito Velho Por um Novo?

 

Agora me lembrei de uma expressão famosa, quase um ditado popular: “falar é fácil, quero ver fazer”. Entendo que mudanças são complicadas, ainda mais quando o carreto cobra um valor a mais para desmontar o guarda roupa. Porém, não espere pelo carreto, faça você mesmo!

 

O que eu vou falar agora soa um tanto contraditório, mas na vida real faz muito sentido. Como quebrar uma rotina, um hábito? Com outra rotina, outro hábito!

  • Oi?
  • Sim!!!! Isso mesmo!

 

Para quebrar o ciclo vicioso, use o próprio veneno do ciclo. Tem um TED – plataforma de vídeos no YouTube –  muito bacana que eu recomendo, chamado “Try something new for 30 days” que basicamente fala do poder do hábito – até tem um livro famoso com este tema de fundo.

A imagem abaixo reflete o que você acabou de ler até agora

 

componentes do habito - [APRENDA] Como Ter Uma Mente Empreendedora Mudando Hábitos

 

Muito interessante toda a ciência que está por trás desta palavra , não é?

 

Neste momento, fico curioso para saber como você está se sentido agora e o que está pensando sobre?

 

Talvez: “bacana, ele falou sobre a importância da mudança de hábito, falou como podemos realizar este nosso desejo mas, ok, como saber qual novo hábito devo criar com o objetivo de quebrar o ciclo do antigo?

Quais Objetivos Buscamos?

Antes de mais nada, precisamos entender qual(is) objetivo(s) buscamos conquistar. Seguindo a finalidade do Blog Cifrão Extra, digamos que queremos abrir um novo negócio, no mundo digital, ou em casa mesmo.

 

Um dia um professor meu disse que em nossas vidas temos que avaliar diferentes cenários. Eu perguntei: “como assim, avaliar diferentes cenários?”.

Quase como um mestre, ele me disse: “você tem que olhar para dentro e ver onde você está AGORA e onde quer chegar AMANHÔ.

 

Digo para vocês que isso ficou na minha cabeça por um bom tempo e aos poucos fui aplicando este ensinamento na minha vida.

 

O olhar para dentro tem a ver com você, com suas habilidades, com sua personalidade, com o que você conquistou até agora, com seus valores, enquanto o amanhã refere-se aos seus objetivos de curto, médio e longo prazo, os seus sonhos e como e quando você pretende alcançá-los.

Vamos entender cada uma destas visões.

 

O olhar para dentro é algo natural do ser humano, quase como uma necessidade. Como diz aquela expressão:

 

“Não queira mudar o Mundo, comece por você”.

 

Quando discutimos sobre mudanças, podemos associar este evento ao que acontece no mercado financeiro:

investimentos! Cada passo dado rumo a algo novo na vida requer investimento, seja este de esforço, de tempo, financeiro, de escolhas, de aprendizado e por aí vamos.

 

Digamos que você é uma marca. Na verdade, no Mundo de hoje, todos nós somos, porém, não aceito muito esta ideia pois estamos falando de seres humanos mas, vamos manter esta linha de raciocínio do século XXI.

 

Para uma marca ser reconhecida, ganhar destaque no cenário Nacional e Internacional, ter credibilidade junto aos seus clientes mais fiéis, é necessário elevá-la a um pedestal acima do anterior. Mas como nós podemos nos colocar um pedestal acima ao anterior?

 

Para mim, não existe resposta certa ou errada mas, se tem algo que no Mundo atual que é FUNDAMENTAL, se chama CONHECIMENTO! Com o acesso a internet difuso por todos os cantos, um crescimento no número de plataformas de cursos onlines, inúmeros acessos de livros digitais, está cada vez mais fácil obter conhecimento técnico sobre um determinado assunto, seja lá qual for.

Características Fundamentais

Somado ao que foi dito acima, tem duas características as quais vejo como fundamentais e que fará com que você se diferencia da manada, do rebanho; resiliência e inteligência emocional

 

Olhe para a imagem abaixo

flor 1024x796 - [APRENDA] Como Ter Uma Mente Empreendedora Mudando Hábitos

Resiliência

Resiliência é a capacidade de se adaptar às mudanças

Esta é a palavra. Todo empreendedor, seja lá qual for o seu negócio, deve possuir esta característica como inerente ao seu ser pois é ela que, nos momentos mais cruciais de nossos negócios, fará com que sigamos em frente.

 

Pense nesta planta e observe o meio ao qual ela está inserida, um lugar onde o crescimento, o desenvolvimento é quase improvável. Porém, ela está lá, contrariando qualquer teoria mirabolante. Sejamos como esta planta.

 

Não importa o meio ao qual você está inserido, dificuldades irão surgir e farão com que nós queiramos desistir, que ali não conseguiremos nos desenvolver mas, como todo bom ser deste Planeta, devemos nos manter firmes, fortes, resistentes, focados e, quando superarmos as dificuldades presentes, ficaremos mais adaptados ao meio.

 

O mundo dos negócios é um complexo criado por nós, seres humanos. Por isso, já dizia Darwin, sobrevive aqueles que melhor se adaptam ao meio.

Inteligência Emocional

Junto a esta característica, outra que é necessária ao nosso sucesso, é como lidamos com nossas emoções. Observe a imagem abaixo

gangorra 1024x512 - [APRENDA] Como Ter Uma Mente Empreendedora Mudando Hábitos

 

Razão e emoção não andam juntos, certo? Eu discordo. Como tudo na vida, há de ter um equilíbrio entre nossas ações, não colocando a emoção, nem a razão, em uma gangorra de peso.

 

Ambas possuem qualidades fundamentais a sua existência e que, sabendo administrá-las, atingiremos o sucesso ao qual almejamos.

 

No mundo dos negócios, temos que lidar com diversas situações as quais devemos agir ou com a emoção, ou com a razão. Eu não posso dizer para vocês quais situações requerem a ação baseado na emoção ou na razão porque cada um lida de uma forma diferente com estas questões.

Por isso, encontre o seu ponto de equilíbrio e verá que o sucesso andará junto contigo.

 

Agora, vamos externalizar, sair de dentro de nós. Esse tipo de pensamento é fundamental para que você consiga observar o que está acontecendo ao seu redor, quais são as necessidades de cada pessoa e como nós, empreendedores, podemos encontrar uma solução para tal dor.

Observe, fique atento. Estamos rodeado de muitas informações que podem nos dar insights de como podemos agir dentro do mundo dos negócios.

Alie estas informações, empíricas ou estudadas, com seus objetivos, suas metas de vida, seus sonhos. Crie conexões que façam sentido para você, e para o seu público-alvo.

Finalizando

A ideia deste artigo é gerar reflexões e não trazer um guia prático que fará você atingir o sucesso com seu negócio em meses, ou semanas.

O mais importante é que você olha para dentro de si, observe aquilo no qual você é bom, aquilo que as pessoas dizem que você faz bem, quais são suas habilidades, sua competências.

Junto a isso, veja o que o mercado precisa e como você pode criar uma solução, um negócio para aquela necessidade e claro, nunca deixe de se capacitar e criar novos hábitos que façam seu negócio decolar.

Espero  que este artigo te ajude de alguma maneira

 

Um abração e até o próximo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *